O Manifesto da E.G.C.

O primeiro documento oficial

O mundo entrou no Novo Æon, a Era da Criança Coroada e Conquistadora. A predominância da Mãe (Æon de Ísis) e a do Pai (Æon de Osíris) são do passado. Muitas pessoas ainda não realizaram totalmente esta fórmula e ainda são válidas em suas esferas limitadas; mas os Mestres decidiram que é chegado o tempo para a administração dos Sacramentos do Æon de Hórus àqueles capazes de compreensão. Os sexos são iguais e complementares. "Todo homem e toda mulher é uma estrela" — AL I:3. A sacerdotisa deve agora funcionar tanto quanto o sacerdote.

A expressão da tese acima no ritual público começou com o estabelecimento da Missa Gnóstica, a qual, enquanto aderindo aos elementos vitais das tradições mais antigas e verdadeiras, fixa sua atenção, e mira mais firmemente, no Futuro.

O veículo organizacional da Missa Gnóstica é a Ecclesia Gnostica Catholica, ou Igreja Gnóstica Católica. A E.G.C. é um componente da O.T.O.