Indo a uma Missa Gnóstica

Saiba como ir e o que esperar da Missa Gnóstica

Assistir a uma Missa Gnóstica é participar dela, uma vez que o Liber XV é um rito ativo para todos os que lá estão. É uma experiência única, não importa quantas vezes a pessoa já tenha estado em uma. Mas para aqueles e aquelas que estão indo pela primeira vez, algumas informações básicas sobre o rito e o que esperar dele podem ser de grande ajuda.

Antes de seguir em frente, é recomendável que se leia o rito. Ele encontra-se publicamente disponível aqui em nosso site. Conhecer um pouco da E.G.C. e da O.T.O., o que são e suas propostas de trabalho, também é recomendável. Estas informações também estão disponíveis aqui.

Como posso participar de uma Missa Gnóstica?

Envie um e-mail para a Secretaria do Corpo Local (secretaria@quetzalcoatl-oto.org) ou use nosso formulário de contato. Você será inscrito(a) em uma lista de convidados e sempre que houver uma Missa aberta, receberá um e-mail informando do evento. Caso deseje participar, responda confirmando presença.

Pedimos que, caso não possa comparecer ao rito após confirmar presença, avise antecipadamente à Secretaria para que seu nome seja retirado da lista de convidados daquele rito. Há uma limitação de vagas e sua desistência pode abrir vaga para outra pessoa. Além disso, caso o convidado deixe de ir em duas Missas consecutivas e não avise, seu nome poderás ser retirado da lista de envios de convites.

Posso levar alguém comigo?

Por questões logísticas, para levar alguém consigo à Missa Gnóstica deve-se pedir que a pessoa entre em contato com a Secretaria do Corpo Local, requisitando presença no rito. Isso é feito para que se tenha um controle das vagas disponíveis bem como o dos insumos que serão usados durante a Missa. Também auxilia à Secretaria a manter um registro dos pedidos de participação aos eventos e presenças.

Recebi um e-mail convidando para a Missa. Preciso Responder?

Sim, é obrigatório que se responda ao e-mail de convite. Isso é necessário para que se controle o número de pessoas na Congregação (devido ao espaço disponível) e o número de Hóstias que serão preparadas pela Sacerdotisa. Para que tudo possa ser preparado em tempo hábil, é necessário que se responda o e-mail da Secretaria até o meio-dia da sexta-feira anterior à Missa.

Confirmei minha presença mas não poderei ir. O que eu Faço?

Neste caso é importante que entre em contato com a Secretaria avisando que não poderá ir. Isso poderá abrir a vaga para outra pessoa que deseje ir ao Rito. Lembrando que caso a pessoa confirme presença e não vá ao rito, sem avisar que não poderá ir, por duas vezes, esta pessoa será retirada da lista de convites.

Quem estará lá?

Você irá encontrar, além de outros convidados, os membros da Ordo Templi Orientis, em sua maioria do próprio Corpo Local. É uma ótima chance para conversar com eles e elas, tirar dúvidas, conhecer as pessoas e o trabalho da Ordem. Também, pelo menos um dos Oficiais do Corpo Local estará presente. Estes são as principais fontes de informação a quem você deve se dirigir para saber sobre a parte gerencial da O.T.O. E, claro, estarão presentes os oficiantes daquela Missa Gnóstica: a Sacerdotisa oficiante, o Sacerdote oficiante, o Diácono ou Diaconisa oficiantes e as Crianças. É comum que estes se recolham algum tempo antes do rito para se prepararem para a cerimônia.

Um detalhe, nem sempre os oficiantes serão Sacerdotes(isas) ou Diáconos(isas) consagrados. Nestes casos, eles são chamados de Noviços, membros da E.G.C. que estão estudando para, no futuro, serem consagrados naquelas funções. Para saber mais sobre isso, leia a página sobre o Sistema da E.G.C.

Como será a Missa Gnóstica?

A Missa Gnóstica da E.G.C. é uma celebração dos princípios de Thelema. Esta celebração é feita de forma ritualística, com simbologias que remetem às egípcias e gnósticas, além de toda a simbologia Thelêmica por si. É um ritual de grande beleza e força emocional.

Durante o ritual há a queima de incenso e o consumo de vinho (em pequena quantidade), além de posturas ritualísticas que envolvem estar ajoelhado. Se você tem algum tipo de problema alérgico, não pode ou não deseja consumir álcool ou tem alguma forma de problema em manter-se ajoelhado, por favor, informe aos responsáveis (um dos Oficiais do Corpo Local ou ao Diácono ou Diaconisa) antes do rito. Da mesma forma, caso tenha algum tipo de desconforto durante o rito, avise. A Missa deve ser um tempo de espiritualidade, alegria e prazer, não de sofrimento.

Como deve ser a preparação para a Missa?

Não há nenhum tipo de preparação específica para estar presente na Missa Gnóstica. Apenas tenha em mente que este é um ritual de Comunhão entre a Congregação e da celebração de Thelema. Portanto busque sintonizar seu espírito com essas ideias, da forma que você compreendê-las e achar mais apropriado.

Como devo me vestir?

Não há um código de vestimenta para a Congregação laica, apenas para os que já tenham sido Confirmados(as) na E.G.C. Para os(as) já Confirmados(as), o robe branco é obrigatório e deve ser utilizado em todas as cerimônias da Igreja, principalmente nas Missas. Para não membros não há obrigatoriedade de qualquer tipo de roupa ou padrão de cores. Contudo, por uma questão estética, sugerimos que se usem roupas de tons claros. Mas isto é uma sugestão, não uma obrigação. O importante é que você esteja com uma roupa confortável, que não restrinja seus movimentos. Roupas justas ou desconfortáveis vão atrapalhar sua concentração no ritual e na execução de algumas posturas exigidas durante o mesmo. O mesmo vale para calçados, procure que sejam confortáveis. Caso queira, você pode tirá-los antes de entrar no templo. Retirar os sapatos não é obrigatório mas é recomendável. Neste caso, recomendamos que se usem meias.

O que se deve levar para a Missa?

Não há a obrigatoriedade de se levar nenhum material especial para a Missa, seja para o rito em si ou para os períodos anterior ou posterior ao mesmo. Em algumas ocasiões comemorativas pode ser pedido que os presentes levem algum tipo de comida ou bebida para algum tipo de congregação antes ou depois do ritual. Se for o caso, isto será comunicado aos participantes mas ainda vale a não obrigatoriedade.

Nos casos em que algum tipo de congregação se dê, por favor, avise antecipadamente à Secretaria do Corpo Local caso você tenha algum tipo de restrição de consumo de comidas ou bebidas.

Pedimos que não se leve nenhum tipo de material ritualístico para a Missa Gnóstica.

Importante! Não são permitidos em nenhum evento da O.T.O. o porte de armas (tanto armas de fogo quanto armas "brancas") ou o de drogas ilegais. Caso você esteja em um evento da Ordem e seja detectado que está levando consigo algum tipo de arma ou droga ilegal, você será requisitado(a) a deixar o local do evento.

Há alguma restrição de idade?

Por questões legais, não permitimos que menores de idade compareçam a nossos eventos. Mesmo autorizados ou acompanhados dos responsáveis, menores de 18 anos não podem participar ou assistir à Missa Gnóstica.

Qual o código de conduta a ser mantido?

Antes e depois do ritual, mantenha a chamada pax templi. Evite falar em voz excessivamente alta ou criar algum tipo de confusão. Seja respeitoso para com todos os presentes, evitando brigas e discussões por demais acaloradas. Lembre-se de que poderá encontrar pessoas das mais diversas opiniões, religiosidades, etnias, sexualidades e gêneros, os quais devem também ser respeitados.

Durante o ritual, evite conversas, ruídos ou movimentação desnecessária, isso atrapalha a concentração e a experiência ritualística dos que estejam à sua volta. Mantenha a sua concentração no ritual. Quando sentado, caso deseje, aconselhamos a manter a chamada postura do faraó: costas eretas, joelhos unidos em ângulo reto, mãos descansando sobre os joelhos.

Pedimos também que não se faça propaganda ou apologia de outros grupos, sejam estes de orientação Thelêmica ou não. Da mesma forma, pedimos que outros grupos e pessoas, de orientação Thelêmica ou não, sejam respeitados, sem ataques pessoais ou comentários degradantes sobre os mesmos.

Pessoas alcoolizadas ou alteradas por drogas terão sua entrada barrada no evento.

De forma geral, lembre-se de que os presentes estão ali para a celebração da Lei de Thelema e do que é dito no Livro da Lei: "Que os rituais sejam realizados com alegria e beleza". Então, tente ter bons momentos antes, durante e depois da Missa; e dar aos outros presentes a chance de terem também bons momentos.

O que se deve fazer?

Tendo em mente que a Missa Gnóstica é um ritual participativo, e esperado que todos os membros da Congregação, antes de mais nada, estejam lá por uma questão de vontade própria. Assistir à Missa sem realmente desejar querer estar lá tornará a experiência desagradável e monótona. E isso será percebido por quem estiver junto, o que atrapalhará a experiência também de outras pessoas. Então, por mais que todos sejam bem vindos, assegure-se de que você realmente quer estar naquele ritual. Por você e pelos outros.

Antes do ritual, o Diácono ou a Diaconisa do dia darão uma explicação sobre a Missa e entregar a todos um Missal , que deve ser lido antes de entrar no templo. Nele estarão os textos que devem ser lidos (o Credo e o Hino) bem como a explicação de alguns gestos e posturas a serem executados por todos durante a Missa. Assegure-se de compreendê-los bem. Em caso de dúvidas, não hesite em perguntar ao Diácono ou à Diaconisa. Caso não os encontre, pergunte a algum membro da Ordem. O importante é que você compreenda bem o conteúdo do Missal. Caso você se confunda durante a Missa, observe o que o Diácono ou Diaconisa (ou algum dos membros usando o robe branco) estão fazendo. Mas, caso você faça algo errado, não se preocupe. Se necessário, o Diácono ou Diaconisa irá corrigir; não é vergonha alguma errar.

O missal é para ser usado durante a Missa. Nas partes para serem lidas, não tente apenas repetir o que está ouvindo. Leia o missal. Como o templo é escuro, lanternas são fornecidas para isso. Apenas tente não ficar ligando a lanterna a todo momento. Isso atrapalha a concentração das pessoas ao redor. O Diácono ou a Diaconisa avisarão quando for para o missal ser utilizado.

Durante algumas partes do ritual será necessário ficar em pé, em outras, ajoelhado(a). Caso uma postura cause desconforto excessivo, volte a sentar-se.

Como é a Comunhão?

A não ser em Missas comemorativas, tais como Casamentos, Batismos, Réquiens e outros, é obrigatório que todos os membros da Congregação participem da Comunhão. A Comunhão é o ponto focal da Missa Gnóstica e a participação na mesma é o que permite que toda a energia, esta forjada nos princípios de Thelema e criada durante o ritual, seja distribuída por entre a Congregação, que por sua vez a leva para fora do templo, espalhando-a pelo mundo.

Participar da Comunhão é consumir um pouco de vinho e comer um bolinho, chamado "Hóstia" ou "Bolo de Luz". Caso você não queira ou não possa consumir vinho, por favor, avise ao Diácono ou à Diaconisa antes do ritual, para que uma alternativa lhe seja providenciada. Os Bolos de Luz são compostos por seis ingredientes:

  • farinha (de qualquer grão, normalmente de trigo);
  • mel;
  • borra de vinho (normalmente Porto);
  • óleo de Abramelin (uma mistura de canela, mirra , galanga e azeite);
  • azeite e
  • um dos seguintes:
    • sangue de gado obtido legalmente de um açougue ou fazenda ou
    • cinzas de Bolos de Luz feitas de acordo com qualquer interpretação razoável do versículo III:23 do Livro da Lei e que foram queimadas de acordo com o versículo III:25 do Livro da Lei.

Opcionalmente, açúcar e canela podem ser polvilhados sobre o Bolo de Luz para melhorar o sabor.

Atenção: Caso você tenha restrições de consumo de qualquer um destes ingredientes, como, por exemplo, celíacos ou portadores de outras alergias, por favor, avise à Secretaria do Corpo Local antes do dia do rito para que uma alternativa possa ser providenciada. Por favor, lembre-se que mulheres grávidas não devem consumir o Bolo de Luz pois tanto o óleo de Abramelin quanto a canela podem ter efeitos abortivos.

Como se deve fazer a Comunhão?

O processo de Comunhão é bem simples. De cada lado do Altar estarão dois participantes da Missa, chamados de Crianças. À sua direita estará uma com os Bolos de Luz, à sua direita, uma com o Vinho Consagrado. Ao ser chamado(a) pelo Diácono ou pela Diaconisa, vá até a frente do Altar (não suba, fique aquém da linha da cortina). Pegue um dos Bolos de Luz da Criança à sua direita. Com ele trace uma cruz sobre a pátena onde estão colocados e depois coloque-o na boca. Em seguida, vá até a Criança à sua esquerda e pegue a Taça com o Vinho Consagrado . Com a Taça, trace uma cruz em direção à Sacerdotisa no Altar e, em seguida, consuma o Vinho. Caso deseje, é permitido fazer uma breve reverência ou saudação em direção ao Altar mas pedimos que seja rápido para não atrapalhar o correr da cerimônia.

Após consumir os Sacramentos, vire-se para a Congregação, com os braços cruzados sobre o peito (esquerdo sobre o direito) e diga, em voz alta e clara: "não há parte de mim que não seja dos deuses". Isso significa que você está reconhecendo que tudo em você é divino e proclamando esse reconhecimento ao mundo. Depois disso, volte ao lugar onde estava sentado(a).

Caso tenha dúvidas, observe como procedem os membros da Ordem, principalmente os que estiverem vestindo os robes brancos. Caso a dúvida ainda persista, pergunte ao Diácono ou à Diaconisa. Novamente, não há vergonha em errar ou não saber.

Quanto tempo dura a Missa?

O tempo de duração total de uma Missa Gnóstica depende do número de membros da Congregação e quanto tempo leve a Comunhão. Mas, em geral, não se espera que uma Missa Gnóstica dure mais do que uma hora.

O que fazer após a Missa?

Não há nenhuma regra após o término da Missa Gnóstica. Você pode ir para sua casa, sair com seus amigos, o que desejar. Mas lembramos que é muito comum que os membros da Congregação saiam para comemorar o ritual, ficarem juntos e se divertirem. Caso você esteja interessado(a) na O.T.O. é uma excelente oportunidade para conhecer pessoalmente os membros, conversar com eles e saber mais sobre a Ordem e seu trabalho.

Como posso fazer parte da E.G.C.?

A participação na E.G.C. e seus rituais se faz através das cerimônias de Batismo e Confirmação. Este nível de participação é livre para toda e qualquer pessoa que o deseje, seja esta ou não um membro Iniciado à O.T.O. A participação no Diaconato e Sacerdócio, contudo, é restrita a membros Iniciados. Para maiores informações, leia nossa página sobre o sistema da E.G.C.

Em caso de dúvidas

Caso ainda tenha dúvidas, por favor, entre em contato conosco. E, no dia do ritual, sinta-se livre para conversar e perguntar o que desejar aos membros da Ordem, principalmente Diáconos e Diaconisas, Sacerdotes e Sacerdotisas ou aos Oficiais (Secretário[a], Tesoureiro[a] ou Mestre[a]) do Corpo Local.